Dois times de futebol americano rivais do ensino médio do Texas estavam disputando uma partida até que no final do jogo, dois jogadores se ajoelharam no gramado e oraram juntos.

Gage Smith, aluno do último ano da Sherman High School, ficou sabendo que o jogador adversário, Ty Jordan, estava enfrentando problemas por conta da saúde de sua mãe que está tratando de um câncer.

Ele perguntou se Jordan queria uma oração, ele aceitou.

A imagem foi compartilhada pela tia de Jordan que agradeceu a Gage pela mensagem de vida que compartilhou com seu sobrinho.

Gage Smith à KXII-TV sobre o momento: “Eu só tive um momento com ele, orando por ele, sua mãe e sua família”, disse.

“O futebol une as pessoas de tantas maneiras diferentes, e esse foi apenas um exemplo disso naquela noite”, acrescentou Smith.

O adolescente cristão é conhecido por sua compaixão como líder do time.

“Ele é um verdadeiro líder e tem compaixão, e isso foi seguido por muitos dos integrantes do time”, disse o técnico de Smith.